viver sem tempos mortos

28May09

fernanda

my lovely loyal começou a escrever sobre teatro para a revista bacante. logo no primeiro texto, ele já consegue fazer a melhor e mais sincera  interpretação sobre um espetáculo

“viver sem tempos mortos”, monólogo de fernanda montenegro sobre simone de beauvoir, com direção de felipe hirsch, é uma das peças mais tocantes que eu já vi. amor, amizade, perda, confusão, solidão, companheirismo, tudo aquilo que a gente vive o tempo inteiro aparece no palco, nas palavras doces e elaboradas de uma fernanda que se entrega tanto a beauvoir que mais se confude com ela

e é isso que ele escreve:

Viver Sem Tempos Mortos é texto, cadeira, luz e Fernanda Montenegro, nada mais. Ou seja, falar do espetáculo é falar dela. Se no começo conseguimos enxergar uma Simone de Beauvoir e na metade da duração o monólogo parece querer se embrenhar por um didatismo, ao final, Simone vai sumindo e dando espaço a Fernanda somente. O discurso sobre a velhice e a morte de um companheiro de vida inteira são palavras escritas por Simone, mas ideias já comentadas por Fernanda em diversas entrevistas. E isto está longe de ser um demérito para o espetáculo.

leiam a íntegra: http://www.bacante.com.br/revista/critica/viver-sem-tempos-mortos

a foto é de guga melgar



One Response to “viver sem tempos mortos”

  1. 1 Leal

    eita, quanto elogio🙂
    : ********


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: